22/02/2014

Falando sobre beleza: Aceitação






Imagens via We Heart It 

Beleza passageira, beleza duradoura

Todo mundo tem o direito de se sentir infeliz com seu próprio corpo. Muitas vezes, são pequenas coisas, até meio insignificantes: um detalhe na pele, o formato das unhas, o buraco do umbigo. Outras vezes, são coisas maiores. E aí, não gostamos da nossa barriga, do nariz, do formato das pernas e dos fios de cabelo. Mas a verdade é que tudo vira tempestade em copo d’água. Precisa mesmo?
Esse é seu único corpo nesta vida, é nele que você reside. Já pensou em se olhar de outro jeito? Nossas implicâncias vêm de onde nem sabemos: queremos ser como um amigo, como uma atriz de novela, uma desconhecida. Assim não tá bom porque é seu e você queria outro! De repente, é bonito ser quem você é e pronto.
As celulites são buraquinhos sensuais como as covinhas, as estrias são como estampa com textura em animal print, o cabelo natural, com cara de acabei de acordar, é muito mais sexy! Não existe nenhuma pessoa dentre bilhões que seja igual a você. Além de toda genética e formação do seu corpo, você é único em tudo: jeito de ser, bagagem histórica, experiências, maneira de pensar. Tudo te faz diferente e, se você quiser, especial.
Somos apaixonados por mudanças e vivemos passando por diversas fases diferentes. O descontentamento com o corpo pode ser parte de um momento, estamos simplesmente com vontade de fazer algo novo. Dá pra mudar pra se sentir bem, sem antes ter que ter odiado a fase anterior.
Mudar faz bem, nos leva a novos ares, novas descobertas. Mas não adianta nada mudar só porque você não se aceita do jeito que é! Tudo o que você passa são experiências únicas e muitas vezes, deixamos de aproveitar coisas incríveis porque temos vergonha de nos exibir. A verdade é simples e clara: ficamos muito mais bonitos quando estamos felizes. O brilho no olhar, um sorriso em paz é iluminador, te deixa hors concours.
Parar de se preocupar tanto e apenas ser feliz é quase uma arte. É preciso apreciar as transições, elas fazem parte do ciclo da vida e o modelo de sociedade em que vivemos. Mas nem por isso temos que aceitar padrões e achar bonito só um tipo de corpo, só um tipo de rosto ou de cabelo. As belezas estão por aí, nas mais variadas formas, numa vasta gama de modelos.
O estranho é que não percebemos que somos nós mesmos que construímos e aceitamos a cobrança para sermos de um determinado jeito. Insistimos em participar ativamente do culto ao corpo e seguir um estereótipo. Acabamos julgando outras pessoas, pensando em como elas deveriam ser e nos enchendo de preconceitos que não levam a lugar nenhum.
As pessoas podem ser saudáveis do seu jeito, claro, gostando de si próprio e fazendo o bem pro seu próprio corpo. Pensar de uma maneira mais positiva e olhar para si e para o mundo sem tantas amarras é a maior mudança para enxergarmos nossa beleza. Pra isso, só é preciso mudar um pouquinho o ponto de vista.

Leia outros textos meus, aqui. Beijos!


38 comentários:

  1. Que texto mais inspirador! Porem acho que a sociedade que cria esse conceito.. assim como nos mesmos julgamos outros por nao ser normal ou etc

    beijim
    Idiomafashion.blogspot.com

    ResponderExcluir
  2. aiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiii, nem me fale em aceitação
    eu estou em um mega dilema
    porque era meu sonho emagrecer, porque pra mim tudo iria mudar, sei lááá
    o mundo seria outro, talvez eu teria mas oportunidade, seria mas aceito na sociedade, só que a vida continuou a mesma, eu me acabei de fazer dieta e malhar pra só ficar um pouco mas magro e com corpo incio de carreira de panicat rs
    mas mesmo assim estou muito feliz, não estou 100% mas estou
    falta 3k pra eu me sentir gisele, adoreiiii

    #BIJÚ
    HTTP://LUCASRUSHUTSU.BLOGSPOT.COM

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Lucas, as metas e padrões somos nós mesmos que criamos! Acho que você tem que pensar se é isso mesmo que você quer e se vai te fazer feliz, sempre respeitando os seus próprios limites! Beijos.

      Excluir
  3. uns querem engordar outros emagrecer mas nunca estão satisfeitos com si propio
    richelleoliveira.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  4. Amei demais o seu texto, a gente tem que se aceitar do jeito que somos com as imperfeiçoes, pois ninguém é perfeito e nem chegará a perfeição e como você disse somos únicos, cada pessoa tem uma beleza diferente.
    Beijinhos
    You Tube
    Instagram
    Facebook do blog
    conversando-com-a-lua.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Concordo plenamente. Cada pessoa é única! Beijos <3

      Excluir
  5. é verde nunca estamos satisfeitos com o que temos, seja, corpo, cabelo... sempre queremos mais. adorei o texto
    http://manguitarosa.blogspot.com.br/
    beijoos

    ResponderExcluir
  6. Importante é se sentir bem,ter paz interior e ser feliz!!bjoooo arrasou!

    ResponderExcluir
  7. Com este texto, qualquer uma vai se olhar no espelho e se sentir linda! ♥
    Antes eu odiava tudo em mim, o dos outros era sempre melhor. Graças a Deus, hoje está neura se foi, sou feliz comigo mesma!
    Beijo, beijos!

    Dearitgirl.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Awn! Obrigada, Marcela! É muito bom quando a gente pode dizer que é feliz consigo mesma <3 Beijos!

      Excluir
  8. texto lindo!! quando eu era mais nova eu tinha muitos problemas com minha imagem, mas hoje em dia eu consigo me dar bem melhor comigo mesma. claro q tem coisas que quero mudar, mas de um jeito normal. ahsuahsuahsuah acho q isso é o tipo de coisa que a gente vai aprendendo com o tempo, que cada um tem sua beleza, só precisa descobri-la.

    bjs
    http://gipsyyy.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sim, o tempo vai nos dando esse espaço e ampliando nossos horizontes, né? Concordo muito com você, em algumas fases da vida somos bem mais noiados e preocupados com coisas bobas! Obriiiiigada! Beijos <3

      Excluir
  9. que tudo esse post. concordo, he necessario ter aceitação
    bjs

    Sachê e Bombom

    ResponderExcluir
  10. Amei esse texto Thay! Que amor!
    Realmente concordo com você!
    Tipo eu odeio algumas coisas no meu corpo, mas não crio neura, não tento mudar de qualquer jeito, a melhor parte é quando eu coloco uma roupa que gosto e me olho no espelho super animada, esquecendo qualquer problema.

    http://pamlepletier.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Não criar neura e não entrar em pânico é o grande segredo, sabe? Concordo com você, tem que pensar positivo, pensar nas coisas que a gente gosta, nos momentos que nos fazem bem! Obrigaaada, Pam! <3

      Excluir
  11. Adorei o texto, muito bom !
    Acho que devemos nos aceitar do jeito que somos, do jeito que Deus nos fez, do jeito que nascemos e crescemos.. temos que aceitar, temos que ser feliz!

    http://www.paaradateen.com
    http://www.facebook.com/PAARADATEEN

    ResponderExcluir
  12. Que texto lindo, Thayse! Só li verdades, sinceramente. Fico aqui pensando: "Se eu fosse ruiva e mais encorpada, com certeza seria mais feliz! Não entendo o motivo das ruivas odiarem suas sardas e seu tom de cabelo.". Mas acho que é totalmente ao contrário! Nunca estaremos satisfeitos com nossos cabelos, nossos olhos, narizes, corpos. É algo que já estamos acostumados a ver. É claro que devemos fazer um esforço e nos aceitar da maneira que somos, pois se não aceitarmos a si próprio, quem aceitará, não é? Enfim, amei o texto. Especialmente a nona linha ♥

    Um grande beijo,

    Juu-Chan || Nescau com Nutella

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Verdade, Juu! Não adianta nada ficar tentando ser o que não tem nada a ver com você, muitas vezes é só uma loucura de momento e logo passa e queremos outro modelo. Porque não se gostar e seguir o que nos faz bem, não é? Muuuuito obrigada, você é um amor ♥

      Excluir
  13. Amei o post! Eu me aceitei e sou muito mais feliz depois de me conhecer e entender. Ainda, acredito que como toda mulher, não estou 100% satisfeita com meu corpo...Porem me aceito e assim é mt mais fácil
    www.crisedosvintepoucosblogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Com certeza, Bru! A gente quase nunca tá satisfeita, mas não pode deixar que isso impeça a gente de se jogar na vida e ser feliz ♥

      Excluir
  14. Parabéns pelo texto Thayse. Vivemos uma eterna guerra contra aceitação ao próprio corpo. Culpa da sociedade que impõe certas regras que criam um ideal de beleza. Todos temos a beleza, a nossa essência que tão individual e tão especial.
    Big Beijos
    Lulu on the sky | Vote no blog para o premio Top Blog | Acerte Bolão do Oscar

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Muito obrigada, Lulu! Sim, só precisamos enxergar a nossa própria beleza e sermos felizes <3

      Excluir
  15. Incrível texto, Thayse. Todos temos nossas insatisfações, mas não podemos deixar que isso atrapalhe nossa felicidade e bem-estar. Ser feliz é a melhor maneira de se sentir bem.
    Beijos, Cyn.
    http://ograndetalvez.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É verdade, Cyn! A gente coloca muitos obstáculos inatingíveis na nossa vida, impedindo nossa felicidade. Obrigada <3

      Excluir
  16. Concordo, Thayse! Temo que nos aceitar como realmente somos... Eu me julgava muito quando mais nova, porém percebi uma coisa: Beleza não é tudo! Quem for gostar de mim, gostará pelo que eu sou! :) Tem post novo lá no Blog, já viu? Passa lá e comenta o que achou! Beijos <3 http://gostosdeadolescentes.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  17. Amei o texto!
    Dá uma passadinha?
    http://comportamentorosa.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  18. Olá!!!
    Quer conferir os melhores sorteios que estão rolando na rede?
    Visite meu blog: Blog Só Sorteando
    Quer divulgar algum que está fazendo? Mande email pra sosorteando@gmail.com
    Beijão!

    Blog Só Sorteando

    ResponderExcluir
  19. A sociedade é miserável em que diz respeito a um ser, ela é mestre de mudar personalidade. Texto muito lindo, amei.

    http://destinoincertoo.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Muito obrigada, Danny! Amei saber que você gostou do texto <3

      Excluir
  20. Super concordo com você. Hoje em dias as pessoas colocam um padrão de beleza, de vida e tudo mais, algumas pessoas começam a querer "se matar" por isso. Essa de padrão já passou dos limites. Gostei do jeito que você comparou as coisas, como a estria por exemplo. :) Aceitar o nosso corpo ás vezes é difícil, mas se parar pra pensar que só temos esse, temos que começar a amar. Não tem jeito, mesmo se tentarmos mudar, nunca estaremos felizes. A não ser que aceitamos.

    www.nahboa.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Concordo, Nah! A gente leva tudo muito a sério e pira numas coisas que podem ser vistas e encaradas de outra maneira, mais leve e tranquila! Obrigada pelo seu comentário :}

      Excluir
  21. Concordo plenamente! Ótimo post, ótimo texto.

    Bjos

    ResponderExcluir
  22. Os padrões sempre existiram e sempre vão existir para atormentar nossos vidas :(
    Excelente artigo Thayse

    Bjos
    Wendson B.
    Minha dieta

    ResponderExcluir


Obrigada por visitar o Brilho de Aluguel!

Os comentários estão sendo moderados, mas responderemos assim que possível.

Dúvidas, sugestões ou reclamações? Envie um e-mail para blogbrilhodealuguel@gmail.com

 
Brilho de Aluguel © 2010 - 2017 | By Thayse Stein