02/01/2017

Onde ficar em Madrid: Way Hostel

Oi, gente! Tudo bem? Vamos começar o ano falando de viagens, claro! Demorei, mas tô aqui para dar todos os detalhes da nossa viagem para Madrid, na Espanha - começando pelo hostel que escolhemos. Na verdade, íamos ficar na casa de um amigo, mas começamos a ouvir/ler muitas coisas sobre o quão difícil estava entrar na Espanha, que eles estavam bem chatos com documentação para brasileiros e que nosso amigo, para nos receber, teria que ir atrás de vários documentos autenticados para que pudéssemos entrar no país com os papéis de comprovação de lugar para ficar... Ficamos preocupados com isso e acabamos reservando hostel, porque fica mais fácil se algum oficial pedir os comprovantes de reservas, que precisamos apenas imprimir (não precisa autenticar nada). No fim das contas, entramos SUPER de boas no país e ninguém perguntou de papel nenhum!
 
Sou dessas que prefere mil vezes prevenir do que remediar, então fizemos tudo nos conformes e ficamos em hostel mesmo, acabamos apenas visitando e encontrando nosso amigo que mora por lá. Encontramos o Way Hostel em muitas pesquisas e andanças pela internet e curtimos muito o preço e as opiniões que encontramos sobre ele. Pagamos cinco diárias, mas só aproveitamos mesmo quatro dias inteiro em Madrid porque nosso voo chegou na cidade bem tarde. A localização dele é ótima, bem na região central e do lado do metrô Tirso de Molina. O hostel tem uma entrada bem segura, porque conta com duas portas e numa delas você tem que passar o cartão do quarto para abrir. No térreo tem um hall com a recepção, um lugar para deixar as malas, a cozinha e um saguão (com sofás, mesinhas, computadores, telão, projetor).
 
O espaço é bem aconchegante e nós curtimos bastante, o pessoal da recepção era bem atencioso e prestativo. Eles tem umas maquininhas de bebidas, e se não me engano, de snacks também - a latinha de cerveja era €1 - o que achamos muito barato, em comparação com Dublin, por exemplo. Dá pra usar os computadores sem precisar pagar nada, eles disponibilizam uns livros para quem quiser ficar por ali lendo, em dias de jogos do Real Madrid, eles exibem no telão por ali, essas coisas...
 
O que achei muito bacana é que eles organizam vários eventos no hostel, alguns dias tem festas, outros tem walktours pela cidade, outros dias eles fazem um tour por bares de tapas e tem uns dias que rola paella na própria cozinha por apenas €2 o prato! E para acompanhar tem copo de sangria por €1. Uma delícia, vale muito a pena. Eles não anunciam café da manhã, mas das 08h às 10h, eles servem churros com açúcar e tem café livre, para quem quiser ❤ A cozinha é bem equipada e eles tem uma organização bem legal para não deixar as coisas rolando ou estragando, dos hóspedes que vão deixando comidas/embalagens.
 
Nós ficamos hospedados no quarto Picasso, que tinha seis beliches (ou seja, dividimos com mais 10 pessoas) e dessa vez foi um pouco mais complicado porque as pessoas eram meio barulhentas - preciso dizer que é MUITO mais difícil dividir quarto com homens ocidentais do que com qualquer outro tipo de ser humano, porque eles são muito espaçosos e sem noção real/oficial. O quarto não tinha um banheiro apesar do número considerável de pessoas, mas bem na frente tinham dois banheiros com chuveiro e andando mais uns metros no corredor, tinha mais um - porém, tinha uns horários que ficava BEM cheio e com fila, o único ponto negativo do hostel, na minha opinião.
  
Então, os banheiros deixavam um pouco a desejar por que eram poucos pra tanta gente (em alguns momentos do dia) e também porque em um dos chuveiros a água não esquentava tão bem e dependendo do tempo, a água ficava um pouco mais gelada (lembrando que fomos em dezembro e tava bem friozinho). E nesse mesmo banheiro, o box era muito pequeninho e eu inclusive quase cai um tombo (tô bem, só deixei uma marcona roxa no meu pé haha) - mas nos outros, o espaço era melhor e o chuveiro não apresentou problemas.
 
Apesar desse ponto negativo que mencionei, achei o hostel bem bacana e o espaço muito agradável, por isso eu recomendo. Nós pagamos €17.11 na diária (totalizando €171.12 pra duas pessoas, em cinco dias). E para nós, valeu a pena pela localização, atendimento e pelo espaço em geral - e por mais que tenha sido relativamente caro comparado com outros hostels que ficamos, Madrid é uma cidade muito barata, então vale a pena investir um pouco mais na acomodação. Espero que tenham gostado de saber mais sobre nossa acomodação na Espanha e continuem acompanhando os próximos posts. Beijos!

31 comentários:

  1. O lugar parece ser super agradável!

    https://amebatom.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  2. Ótima dica, mesmo com o negócio do banheiro o preço compensa
    Bjs

    ResponderExcluir
  3. Parece que compensa bastante mesmo né, o único ponto negativo é sobre o banheiro.
    Beijos
    BlogCarolNM
    FanPage

    ResponderExcluir
  4. Obrigada pelas dicas, Nao sei agora mas quem sabe em um futuro proximo, Eu posso esta viajando tambem . E com certeza essas dicas irao me ajudar .
    Um Beijo

    Beleza Outona

    ResponderExcluir
  5. Ai que delícia Thaaaay!
    Adorei o lugar *-* feliz ano novo pra nós e que eu tenha muitas felicidades em vir aqui pra ver esses seus posts que são tão lindo *---*

    beijão ;****

    http://isabellalessa.com/

    ResponderExcluir
  6. Que delícia.
    Sou louca pra conhecer Madrid.
    Adorei a dica de Hostel e mesmo com os problemas ele parece bacana.
    Adorei saber um pouco mais.
    Beijos!
    Blog Pam Lepletier

    ResponderExcluir
  7. o hostel é super bacana mesmo Thay, mt boa indicação!

    www.tofucolorido.com.br
    wwwfacebook.com/blogtofucolorido

    ResponderExcluir
  8. Muito legal mesmo!
    Convido você e todas as suas leitoras para conhecerem meu cantinho,
    e se gostarem seguirem, retribuo a todos ^_^
    Blog: Desvendando Segredos

    ResponderExcluir
  9. Que hotel fofo e agradável! Adorei!

    Beijoss
    http://bymiih.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  10. Mesmo que tenha sido de boa, foi bom se prevenir né? Nunca fiquei hospedada nem em hotel e nem em hostel, então não sei ao certo como seria bom ou ruim. Que legal essas coisas que eles disponibilizaram, ainda mais as maquinas de bebidas e snacks, isso é bastante interessante. Também o fato de poder usar o computador sem pagar a mais por isso e os livros pra ler também. Mesmo não acompanhando muito os jogos de futebol em geral, deve ser bem legal assistir o jogo com o pessoal hospedado do hostel no telão e a cerveja por €1. Além da decoração ser muito legal, toda a forma como tratam os hospedes, parece que faz eles se sentirem em casa né? Gostei bastante! Acho que o fato do banheiro ser todo de azulejo, implica um pouco na segurança mesmo. Acho que pelas coisas que são disponibilizada para os hospedes, em um todo, vale a pena. Converti mais ou menos o valor para real e daria uns R$58,65 pra uma pessoa, então acho que vale a pena mesmo.

    Beijos!
    www.likeparadise.com.br

    ResponderExcluir
  11. Também gostei da indicação porque eu sempre tenho dificuldade de entender resenhas de Trivago e afins e prefiro ler em blogs. Fiquei com vontade de provar esse churros. Amo churros espanhol!

    Bjs

    http://belsantanna.com/

    ResponderExcluir
  12. Oi Thaise, tudo bem?

    Tinha muita curiosidade para saber como funcionava um hostel fora do Brasil. Confesso que tnho receio quanto a esses espaços, pois achara algo confiável não é fácil. Adorei saber da sua experiência!

    Beijos,

    Gnoma Leitora

    ResponderExcluir
  13. Tenho muita vontade de conhecer Madrid, principalmente na época que é inverno por lá.
    Não sabia ao certo como funcionava um hostel e achei legal a tua experiência, apesar do banheiro, é uma boa opção pra quem não quer gastar tanto durante a estadia.
    Só ruim você ter ficado com uma marca roxa no pé :(

    Beijos

    Blog | Fanpage

    ResponderExcluir
  14. Adorei o lugar! Que vontade de conhecer Madrid. Um sonho! <3 Bjs

    www.mayaravieira.com.br

    ResponderExcluir
  15. Parabéns pela dica! Mas deu vontade de viajar :(
    #melevanamala, beijão ♥

    www.meumundonofundo.com.br

    ResponderExcluir
  16. Oi Thayse, tudo bem?
    Eu sempre gosto dos posts de viagens que você escreve, porque anoto as dicas para uma futura viagem para a Europa. E confesso que entre todos os posts, esse foi especial, porque Madrid é uma das cidades que mais tenho vontade de conhecer <3

    Beijos
    barbfurtado.blogspot.com

    ResponderExcluir
  17. Que bacana, eu achei muito o local! Legal saber que o único ponto negativo foi o banheiro, geralmente hostels não são bons de ficar por N motivos! Muito bom!

    Beijos,
    www.coisasdepriscila.com l Fan Page l Instagram

    ResponderExcluir
  18. Tirando o banheiro e o tombo no box parece que correu tudo bem haha :)
    Eu acho legal hostel, mas isso de dormir todo mundo junto é meio tenso né? Se fosse dividido mulheres de um lado e homens de outro acho que ficaria um pouquinho mais organizado não?

    https://heyimwiththeband.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Dá pra escolher quartos que sejam apenas assim, mas saem um pouco mais caro! :) Sim, meu tombo foi feio, ainda tá meio doloridinho, mas tá bem melhor kk sou desastrada mesmo. Beijos ❤

      Excluir
  19. Apesar do banheiro, gostaria muito de estar aí. Amo viajar e adoraria ir pra Madrid.
    Beijinhos ❤
    Blog Ale Canofre
    YouTube

    ResponderExcluir
  20. Oiii

    Tu sempre acha uns lugares super lindos pra ficar né? hehe
    Espeero um dia poder viajar pra tantos lugares assim também hehe

    Beeijos!

    ooutroladodaraposa.com.br

    ResponderExcluir
  21. Oi Thayse!! Feliz ano novo!
    Adorei as dicas, inclusive apontar o ponto negativo do hostel. Infelizmente em casos de hospedagens assim, esse problema pode se tornar comum mesmo. Mas pelo que vi é tudo bem ajeitadinho. Que bom.

    :**

    ResponderExcluir
  22. oi, oi.

    não sei se tu conhece a Jana Rosa, se não, vou resumir um pouquinho sobre ela: sempre quando viaja, a Jana fica em albergues, hostel e lugares bem simples. apesar de nem sempre ser confortável, ela sempre diz que vale à pena sempre economizar, afinal, é uma aventura rápida onde aproveitaremos mesmo é a cidade, e não o local onde dormiremos.

    eu achei o hostel onde vcs firam bem fofinho. no fim, valeu à pena desembolsar o dinheirinho do que ficar na enrolação de documentos pra lá e pra cá. :D

    bjs!
    Não me venha com desculpas

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sei dela sim! Eu tenho o mesmo discurso, concordo plenamente! ❤ Beijos

      Excluir
  23. Ótimas dicas, Thayse! Aliás, seu intercâmbio rendeu muito conteúdo legal. Adorei!
    bjs

    www.digoporai.com

    ResponderExcluir
  24. Achei esse cantinho bem descontraído, amei seu post, ficou bem informativo! ❤

    www.kailagarcia.com

    ResponderExcluir
  25. OiOi Thayse,tudo bem?
    Nossa que lugar mais aconchegante,fiquei aqui com muita vontade de conhecer.Poxa sua viagem deve ter sido muito boa.Esse post ficou muito bem explicado,pra quem vai viajar é uma boa.
    Bjx
    vinteanoos.blogspot.com
    facebook.com/vinteanoos
    IG:
    YT:
    XX

    ResponderExcluir
  26. Essas dicas serão ótimas para o futuro...
    SUCESSO EM 2017!

    https://florurbanablog.wordpress.com/

    ResponderExcluir


Obrigada por visitar o Brilho de Aluguel!

Os comentários estão sendo moderados, mas responderemos assim que possível.

Dúvidas, sugestões ou reclamações? Envie um e-mail para blogbrilhodealuguel@gmail.com

 
Brilho de Aluguel © 2010 - 2017 | By Thayse Stein